CRESS/PR realizou semana de capacitação das Comissões de Instrução

DSC_1245Entre 27 e 31 de agosto o CRESS/PR realizou em sua sede uma semana de capacitação das Comissões de Instrução. Durante a semana foram trabalhados: O conjunto CFESS/CRESS, por Dione Poncheck, a Comissão de Orientação e Fiscalização, por Karina Radke, Comissão Permanente de Ética, por Reginaldo Vileirine, Oficina de autonomia e as atribuições da Comissão de Instrução no início dos trabalhos, por Juvanira Mendes, Oficina: As atribuições da Comissão de Instrução nas tomadas de depoimento, por Ilda Lopes Witiuk e Andrea Fusculim, Oficina: O papel da Comissão de Instrução na elucidação dos fatos, por Edésia de Souza Sato e Marcia Terezinha de Oliveira; e a Oficina: O papel da Comissão de Instrução no Julgamento, por Reginaldo Vileirine e Emanuelle Pereira

“Achei muito bom pois tivemos a prática de casos fictícios e essa prática permitiu percebermos que não podemos ter a ansiedade de concluir a analise do caso, mas sim, temos que estudar minuciosamente cada detalhe do caso”, comenta Luciana Lourenço, que atua no CAPSAd do bairro Boa Vista. Ela vai atuar pela primeira vez em uma comissão de instrução e já está confiante para pegar caso, sabendo bem quais são os critérios que deverá ter ao analisar o caso.

Cada etapa do processo ético e as atribuições da comissão de instrução foram esclarecidas no Curso.  “Foi maravilhoso! Abriu espaço para nos qualificarmos enquanto membros das Comissões de Instrução e ter maior clareza da responsabilidade que isto significa”, disse a assistente social Roberta Mischiatti de Marco, que atua no CREAS de Pinhais. Para ela, o curso trouxe mais do que uma capacitação – oportunizou reflexões sobre as práticas no trabalho: “o curso superou minhas expectativas, pois além da qualificação para atuação nas comissões, saio do curso com novas visões sobre situações que podem acontecer em minha prática profissional”.

Esta foi a primeira capacitação que um Conselho Regional de Serviço Social proporcionou às Comissões de Instrução. O curso cumpriu a proposta de atender ao problema do entendimento do código de ética, visto que muitas comissões apresentavam dúvidas na condução dos processos éticos.

“Víamos este curso como uma necessidade, pois as comissões de instruções sentiam-se às vezes isoladas e com esta capacitação pudemos esclarecer as dúvidas e qualificar a atuação destas comissões. Procuramos proporcionar a melhora no processo como um todo, qualificando o fluxo do processo e reduzindo as possibilidades de erros”, comenta a conselheira Joziane Cirilo, coordenadora da Comissão Permanente de Orientação e Fiscalização do CRESS/PR.

Para Joziane, o curso teve êxito neste objetivo e foi ainda além: “tivemos excelentes participações, vi que as pessoas saíram bem esclarecidas sobre sua atuação nas comissões de instrução e além disso vejo que os/as profissionais tiveram a oportunidade de refletir sobre as práticas profissionais e também de conhecer melhora a atuação do CRESS e do conjunto CFESS-CRESS”.

Confira Fotos da Capacitação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.