Vote contra a ADIN 4.468

Sabemos que a jornada semanal de 30 horas sem redução salarial foi uma das grandes conquistas do Serviço Social brasileiro nos últimos anos. Garantida pela lei 12.317, de 26 de agosto de 2010, as 30h semanais foram implementadas em diversos órgãos públicos e privados neste 1º ano de vigência da norma, cujo aniversário ocorre no próximo dia 27 de agosto.
No entanto, alguns órgão públicos federais, estaduais e municipais ainda resistem em cumprir a legislação federal, garantida de forma legal e democrática, após anos de luta da classe trabalhadora e depois de uma expressiva manifestação na Esplanada dos Ministérios, organizada pelas entidades representativas do Serviço Social – Conjunto CFESS-CRESS, ABEPSS e ENESSO – e que contou com a mobilização de 3 mil assistentes sociais e estudantes.
Por isso, o próximo dia 30 de agosto será o Dia Nacional de Luta pelas 30 horas e contra a Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADIN) 4.468, que tramita no Supremo Tribunal Federal (STF), da Confederação Nacional da Saúde (CNS), que contesta no Supremo Tribunal Federal (STF) a constitucionalidade da lei 12.317/2010.
A participação dos/as assistentes sociais é fundamental nessa luta, por isso conclamamos a  todos/as a participarem da Campanha “STF, vote contra a ADIN 4.468”, assinando o abaixo-assinado virtual que será entregue aos/às ministros/as do STF e que já conta com mais de 13 mil assinaturas, número que precisa ser aumentado.
Vale dizer que, caso o STF vote pela procedência da ADIN, os/as assistentes sociais de todo Brasil podem perder o direito às 30h semanais, conquistado após anos de luta do Conjunto e da classe trabalhadora. Entre nessa luta e não deixe de assinar e divulgar!

 

1 comentário em “Vote contra a ADIN 4.468”

  1. Ana Cristina Moreira

    Bom dia! Nós, assistentes sociais de Telêmaco Borba,estamos nos unindo para lutar contra a ADIN 4.468 e iremos participar da campanha no dia 30 de agosto através do uso de camisetas nos nossos ambientes de trabalho.
    As 13:00 hrs nos reuniremos para discutir a ADIN e enviaremos ao CRESS.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.